00:00:00
05 Jun

Chefe do tráfico visita marido em presídio do Rio mesmo com mandado de prisão por homicídio e ocultação de cadáver

Deise Mara de Souza Rodrigues, de 56 anos, é mulher de Celsinho da Vila Vintém, que está preso. Ela foi presa na manhã desta segunda-feira (2).

Deise é mulher do traficante Celsinho da Vila Vintém, que está preso no Rio — Foto: Divulgação/ Polícia Civil
Deise é mulher do traficante Celsinho da Vila Vintém, que está preso no Rio — Foto: Divulgação/ Polícia Civil

Presa na manhã desta segunda-feira (2) por homicídio e ocultação de cadáver, Deise Mara de Souza Rodrigues, de 56 anos, conseguiu visitar na cadeia o marido, Celsinho da Vila Vintém, mesmo com um mandado em aberto.

G1 apurou que Deise esteve domingo (1) no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio, onde Celsinho cumpre pena.

Deise foi presa por agentes da Delegacia de Combate às Drogas (Dcod) e chegou em um blindado à Cidade da Polícia, na Zona Norte.

A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) informou que, sempre que uma carteira de visitante é emitida, uma checagem é feita para averiguar os antecedentes criminais do solicitante. A instituição alega que a carteira de Deise foi emitida antes da expedição do mandado de prisão.

A Seap ressaltou também que, em todos os casos, colabora quando é comunicada, para o cumprimento de mandados de prisão nas unidades prisionais.

Herdeira do marido

A polícia afirma que Deise, após a prisão de Celsinho, passou a chefiar o tráfico de drogas na comunidade.

O marido dela, Celsinho, é apontado como um dos fundadores de uma das principais facções criminosas do Rio e participou como testemunha de defesa em um processo contra Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, de um facção rival, em 2017.

O mandado de prisão contra Deise é pela morte de um jovem chamado Júlio César, que foi a um baile da Vila Vintém com outros amigos e, segundo as investigações da Delegacia de Descoberta de Paradeiros, foi sequestrado, morto e teve seu corpo ocultado pelo traficante Louco Abreu, a mando de Deise. O crime aconteceu em 2015.

Júlio Cesar da Silva Dias foi morto por criminosos da Vila Vintém, na Zona Oeste do Rio — Foto: Reprodução
Júlio Cesar da Silva Dias foi morto por criminosos da Vila Vintém, na Zona Oeste do Rio — Foto: Reprodução

You may be interested

Sporting empata com Vitória de Guimarães e pode se afastar do 3º lugar
Brasil
1 Visualizações
Brasil
1 Visualizações

Sporting empata com Vitória de Guimarães e pode se afastar do 3º lugar

Fabio Alencar - 04/06/2020

O Sporting voltou aos gramados nesta quinta-feira com um empate com o Vitória de Guimarães, por 2 a 2, no estádio Dom Afonso Henriques. O time esteve…

Brasil se torna 3º país em mortes por covid-19 no mundo; país registra 1.473 vítimas em 24h
Brasil
1 Visualizações
Brasil
1 Visualizações

Brasil se torna 3º país em mortes por covid-19 no mundo; país registra 1.473 vítimas em 24h

Fabio Alencar - 04/06/2020

O Brasil chegou aos 34 mil mortos por covid-19 nesta quinta-feira, 4, com novo recorde óbitos em 24h: 1.473. O país é o terceiro colocado no ranking…

Juiz estipula fiança de US$ 750 mil a agentes que observaram morte de Floyd
Brasil
1 Visualizações
Brasil
1 Visualizações

Juiz estipula fiança de US$ 750 mil a agentes que observaram morte de Floyd

Fabio Alencar - 04/06/2020

Um juiz do tribunal do condado de Hennepin, em Minnesota, determinou nesta quinta-feira (4) uma fiança de US$ 750 mil aos três policiais que apenas observaram a…

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Most from this category