00:00:00
06 Jun

Transportes ilegais terão multas gravíssimas a partir de hoje

Violação era classificada como grave, valores diversificam de R$ 293,47 a R$ 1.467,35.

A partir desta segunda-feira (07), transportes escolares não autorizados e transportes remunerados irregulares passarão a levar multas gravíssimas.

Para transportes remunerados irregulares, multa passa de média para gravíssima, além da retirada do veículo, haverá 7 pontos adicionados a carteira de habilitação. Os valoras da multa subirão de R$ 130,16 para R$ 293,47.

Já os transportes escolares não autorizados, o valor aumenta ainda mais. Infração que antes era grave, agora é gravíssima. Multa será multiplicada por 5 e levarão 7 pontos na carteira. Os valores passam de R$ 195,23 para R$ 1.467,35.

Há um projeto proposto pelo presidente Jair Bolsonaro, que pretende mudar drasticamente os textos do Código de Trânsito Brasileiro. Uma dessas mudanças, pode vir a ser o fim das multas para transportes que transitam sem cadeirinha para crianças.

QUESTÃO DOS APLICATIVOS DE TRANSPORTES

O relator do projeto, Antonio Anastasia (PSDB-MG), disse que a lei não intervém nos aplicativos para transporte. Discussão foi feita no Senado.

“O projeto aqui analisado somente produziria efeitos contra os motoristas que realizam transporte não licenciado, o que não é o caso dos que trabalham para a Uber ou outros aplicativos de transporte”, afirmou Antonio.

A regulamentação dos aplicativos de transporte, na época sancionada pelo ex presidente Michel Temer, foi aprovada ano passado. Aplicativos como Uber, 99 e Cabify são autorizados.

You may be interested

Cidades do ABC seguirão reabertura adotada na capital, explica secretário-executivo
Brasil
Brasil

Cidades do ABC seguirão reabertura adotada na capital, explica secretário-executivo

Fabio Alencar - 06/06/2020

O secretário-executivo do Consórcio Intermunicipal Grande ABC, Edgard Brandão Junior, afirmou, em entrevista ao Jornal da Manhã, que as sete cidades que compõe a região adotarão as…

Anfavea projeta queda de 40% na produção automotiva em 2020
Brasil
1 Visualizações
Brasil
1 Visualizações

Anfavea projeta queda de 40% na produção automotiva em 2020

Fabio Alencar - 06/06/2020

Os fabricantes de veículos instalados no Brasil projetam uma queda de 40% em 2020.As vendas, inicialmente superiores a três milhões de unidades, despencaram para 1,6 milhão em…

Setor imobiliário quer reabertura de estandes para venda de unidades
Brasil
1 Visualizações
Brasil
1 Visualizações

Setor imobiliário quer reabertura de estandes para venda de unidades

Fabio Alencar - 06/06/2020

O setor imobiliário quer reabertura de estandes, para a retomada das vendas após retorno gradual de parte das atividades econômicas em diversos estados do Brasil. Após um…

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Most from this category